Quero asas de borboleta azul, para que eu encontre o caminho do vento, o caminho da noite, a janela do tempo, o caminho de mim.



(Roseana Murray)



domingo, 28 de março de 2010


" O tempo não cura tudo.
Aliás, o tempo não cura nada .. o tempo apenas tira o incurável do centro das atenções. "
(Martha Medeiros)

2 comentários:

Costureira de estrelas. disse...

Tão verdadeiro :)
Um beijo boroboleta =*

Sil.. disse...

Não sei se o tempo cura, mas ameniza as dores.
O tempo é sábio!

Postar um comentário